23 de jun de 2013

IndyCar pelo celular!

Hoje eu vi na tv que a IndyCar ia ser transmitida na Band num compilado à 00h00...Eu pensei "Sem Chance" assistir algo a meia noite tendo que acordar as 05h00 e ter reunião o dia todo não é uma boa ideia..
A solução? Assistir por streaming...desta vez um streaming da ESPN....o pior? Eu fiz isso pelo celular!

No meu Galaxy S3 mini e sua pequena telinha eu assisti a James Hinchcliffe vencer o GP de Iowa, ele um piloto tão feliz, conhecido na internet, que assumiu a liderança ainda na primeira volta e só saiu da ponta durante as rodadas de pit-stops. Com isso, Hinchcliffe alcançou a terceira vitória na carreira e se tornou o primeiro piloto a triunfar três vezes na atual temporada. 

Mas enquanto Hinchcliffe fez sua corrida lindamente, pode-se ver momentos muitos bons na prova, a disputa entre Marco Andretti quanto de Graham Rahal, foi um dos grandes destaques da corrida. Rahal que largou em oitavo, já chegou com tudo, e antes mesmo de chegar em Andretti já estava dando show, ao travar um duelo com Pagenaud.
Rahal abriu caminho e realizou ultrapassagens cada vez mais arriscadas, acima do limite e com direito a toques leves, tanto no muro quanto nos adversários. Fez belas manobras sobre Oriol Servià, Carpenter e Simon Pagenaud.
E como eu disse, quando ele chegou no Andretti foi demais, precisou de poucas voltas para se aproximar e assumir o segundo lugar. E depois os dois ficaram num troca troca de posições.

Meu querido Kanaan, que inspirado na penúltima volta, aproveitou a queda de desempenho de Rahal e o tirou do pódio, ficando com o terceiro lugar. 

Castroneves, meu querido líder do campeonato, ficou meio apagado e não foi muito além do oitavo lugar, oitavo lugar que foi o suficiente para mantê-lo como líder do campeonato (\0/\0/\0/) . 
Já a Bia Figueredo, eu fico com dó, ela não esta demonstrando um grande desempenho, ficou l´ano fundão e abandonou a prova. (Eu sinceramente começo a perder esperanças)

Bem sendo IndyCar, não posso deixar de fora as bandeiras amarelas, a primeira foi numa disputa entre  Rahal e  Hunter-Reay, que perdeu o controle e acertou de leve a traseira do carro de seu adversário, danificando o aerofólio dianteiro e deixando alguns detritos na pista. Com isso veio a amarelinha e a galera foi toda para os boxes.
Depois dessa amarela, a corrida esquentou, os caras da ESPN estavam empolgadíssimos quando três ou até quatro carros se emparelhavam na briga por posições, com alguns toques entre si, mas sem nenhum acidente.
A segunda amarela veio com Tagliani ao perder a dianteira, raspar no muro e rodar, ficando atravessado na entrada do pit-lane. (E novamente um caso de ficar de atravessado e ninguém bater nele, não é a primeira vez que isso acontece esse ano)
Na briga de motores, o Chevrolet da Andretti de James falou mais alto que o Honda da RLL de Graham, e o carro verde  do Hinchtown, ganhou.

Agora um momento aqui para umas informações não muito relacionadas a corrida, primeiro, ver corrida no celular é uma merda!
Segundo, a ESPN tem comercial pra caramba, sério, eu não reclamo mais da Band, nela a transmissão é completa e direta, sem cortes (quando ela passa a corrida é claro) já na ESPN, a corrida era cortada o tempo todo para mostrar comerciais...muito chato!

Reações:

0 comentários: